01 janeiro 2005

Ali estava a mulher observando

Ali estava a mulher observando o começar do dia.
Era um Inverno temperado, mas as madrugadas perpassavam sempre um arrepio da pele ao interior do corpo, pela quebra das temperaturas, pela humidade no ar e, parecia-lhe, pela surpresa do acordar que cada dia acarretava, tanto ao mundo quanto aos seres.
Surpresa a mulher procurava as marcas da diferença, quaisquer que elas fossem. Porque sim, tinham que existir. Porque em todo o mundo, em todo o lado, como se as vidas disso dependessem, a maioria das pessoas festejara, ruidosamente, a passagem de mais um ano como coisa rara, quando afinal é cíclico e com dias certos: 365, ou 366 dias em anos bissextos.
Já ao sair do banho se olhara atentamente ao espelho procurando indícios de algo diferente em si. Nada. As diferenças aconteciam independentemente da mudança de ano, que, ao fim e ao resto, não passava de um marco temporal. Mais um.
O conjunto dos anos, mas principalmente as ocorrências da vida, ao longo de múltiplos quotidianos, isso sim, isso é que pesava na balança das mudanças, pensou!
O ano mudara, sem o frenesim, endoidecido do de fim do século a que assistiu espantada. Literalmente espantada com a loucura que se apoderara de quase toda a gente.
Mas o ano mudara, ela mudava lentamente como em todos os outros dias do ano e só daí a algum tempo se perceberiam as mudanças, as físicas e as interiores.
Pelo planeta as guerras, as mil e mal disfarçadas (umas mais do que outras) frentes de guerra continuavam. Israel continuava com o muro da nossa vergonha (já que eles a não têm mais). Parece-lhe que o facto de o povo judeu ter sido vítima do holocausto nazi, legitima agora (para muitos deles), quase todas as atrocidades e barbaridades.
Os palestinianos continuam, arrasados a dar as vidas, colhendo outras, em total desespero de causa....Atrocidades atrás de atrocidades. O Afeganistão, o Iraque..., céus, o terramoto e o maremoto..., de facto nada mudou de 2004 para 2005. A acontecer levará o seu tempo. Será um ano? Parece-lhe pouco o espaço de um ano para tamanha confusão e, e quê? Receia a palavra que lhe surge. Coíbe-se de a dizer. Olha o dia esperando novas e luminosas madrugadas.

7 comentários:

Fabi disse...

Ao que parece voltamos às nossas reflexões sobre o sentido de todo esse ritual. Deixemos os tolos e vamos tentar aprender com os enganos. Por aqui... eu acordei, ou melhor, fui dormir, igualzinha. Sem mágicas!!!
Beijos :)

Anónimo disse...

Avisaram-me que faltavam 30 minutos para acabar 2004 e começar 2005.Ainda bem que me avisaram...estava a conversar, como noutra noite qualquer e com o canto do olho a ver televisão. É agora! Ah agora...telefonei aos meus pais, confesso que comi passas, podia ser outra coisa qualquer mas, foram passas. Continuei a conversa e não fiquei nada admirada por NADA ter mudado.Mudou mais um dia no calendário, começou outro ano que espero soma-lo a outros e outros na companhia dos que AMO.

Luis disse...

A passagem de ano mais sossegada dos últimos tempos. Quase sentimos obrigação de nos divertirmos exageradamente nestas ocasiões especiais, e quando tal não acontece deixamo-nos afectar pela tristeza e ficamos muito em baixo.
Com o passar dos anos, a mudança de calendário começa a parecer uma banalidade.
Feliz 2005.

TMara disse...

FABI; ANONIMO e LUIS: acabemos, por ora, as reflexões sobre "estes" rituais. E "" o pronome pq há rituais de k gosto (poucos mas há - gosto + de romper rotinas e afins). A estes, muito comercializados, em k por decreto temos todos k consumir, saltar ou...Ná!!!!
Qnt ao factor idade. qnt a mim tenho tido sempre este pequeno problema com estas festas. Não veio c/ a idade, nem foi.
Até amanhã. bjs e ;))

Seila disse...

TMara sorry só aqui agora te desejar um bom ano que, neste texto fde que gostei imenso pelo tema e epal forma de escrita, tu bem dizes quase...que BOM será isso?!!:) abraço!
(vai ao meu mais recheado porque actual sítio que fica espero, aqui linkado! aguardo)

TMara disse...

SEILA _ obrigada pelas palavras. Vou ao teu sítio. Bjs e ;)

Anónimo disse...

You have an outstanding good and well structured site. I enjoyed browsing through it Evitamins provides discounted vitamins indiand medicaid viagra Abel foot fetish Watt cadillac Forms for reporting personal loans for credit agency generic viagra lowest price