19 maio 2005

Como um nenúfar

ifl29Toxxynnenufarrosavioleta.jpg

Como um nenúfar



Como um nenúfar
afogo-me no ar.
A longa cabeleira
Estende-se. Teia
Entrelaçando estrelas.

Lanço gritos silenciosos
Em busca do mar.

Por: TMara

10 comentários:

Charlotte disse...

Bonito poema Mara!
Ás vezes só é permitido gritar em silêncio...!
Beijokas Linda
Namastê*

Espectro #999 disse...

 •∇• Asc #0029 •∇•

Beijocas e inté.

hfm disse...

Gostei de ler.

zeus disse...

Mara inunda-nos no seu mar de nenúfares. Bonito!

Carla disse...

Que bonito, que bonito! :)) Adoro nenúfares, lembro-me deles no lago do pátio da minha escola primária. Adorava ficar a olhar para eles :) Estas tuas palavras ficaram-me na retina. Beijo enorme :)

Manoel Carlos disse...

Muito bonito!
No Brasil temos um tipo especial, a vitória-régia comum em um rio que é verdadeiro mar de água doce: Amazonas.

Vera Cymbron disse...

Mas que bem cheira aqui teu canto...e que bem que escreves!
Jinhos grandes

Mitsou disse...

Gosto muito dos teus poemas, TMara. E as fotos também são fantásticas. Já voltaste das termas? Beijinho carinhoso :)

Espectro #999 disse...

  .::ϑ•ϑ::. Uma pessoa sente-se a boiar a ler este teu nenúfar. Noutro âmbito de conversa escrita [...] já fostes ver o link que te deixei ? E olha que o nome dele está lá, por todo o lado. Ele é no título, no sub-título, no Ascii em grande scale, enfim onde o procurares ele estará lá. Se achares bem visita também os meus outros territórios. .::ϑ•ϑ::.

Beijocas e inté.

Incompetente disse...

Com licença,

Espero que a entrada não seja proibida a Incompetentes.

Esta é apenas uma visita protocolar para informar que
o "Estranhos Dias..." vai passar a fazer parte da lista de links do Zero.

Já que aqui estou, permite-me a ousadia. Gostei tanto do teu poema... que não resisto a acrescentar-lhe uma adaptação incompetente:


[...]
E ele, por fim,
Movido, comovido,
Enche-se de maré
Para me levar!


Beijo incompetente e bom fim-de-semana!