06 julho 2005

à memória de David Mourão-Ferreira

33.

à memória de David Mourão-Ferreira

E a mão despede-se da voz, lenta, escutam-se
os derradeiros passos pela ponte vecchia, um corpo
desliza entre as sombras, aonde está lisboa? é um
murmúrio nas páginas de um livro abandonado,

frágil, orfeu não pegou nos remos, nem morreu
às mãos das mulheres: entre os seus versos,
nome da idade da terra, entre deuses e homens,
david passeia pelas pedras de carnac, despede-se

despede-se eros, livre, livre na praia do paraíso,

MOUTINHO, José Viale (2004). SOMBRA DE CAVALEIRO ANDANTE. Porto: ASAS (158)


Post scriptum: recebi hoje um email da netcabo a dizer k o assunto da ligação está quase normalizado....mês e meio, já foi....

12 comentários:

Espectro #999 disse...

     ⊆⊇     Olá [...] passei para deixar um simples beijo e desejar um final de dia feliz.     ⊆⊇Esse tempo todo será devido à burocracia ?     ⊆⊇

     ∇ Beijocas e inté ∇

Absconditum Mentis disse...

Há muito que não me passa pela frente algo escrito por ele.

BlueShell disse...

"Livre"...
sempre!
Beijos com sabor a pêssegos acabadinhos de colher
BShell

Carla disse...

Um homem marcante... / Quanto à netcabo, nem me meto com eles... sei o que passo com a tv cabo! Beijo grande.

Charlotte disse...

Gosto sempre das tuas escolhas:) querida Mara*
Beijinhos mts* lol
ps- nunca tive até á data problemas c/ a netcabo...

ferrus disse...

Livre!!! Que sorria o paraíso com as palavras que lá irá escrever e que tanto nos fez sorrir a nós enquanto vivo ( e nunca morto ):-))
Como sempre é um bálasamo para a alma aqui vir :-) Bjitos!!!!

Å®t_Øf_£övë disse...

TMara,
Gostei de ler o poema.

E quem é que não tem problemas com a netcabo????
Que se levante por favor....
Ohohohohohoh....ninguém se levantou.....
;)
Bjs.

Pecola disse...

Também me soube bem ler..
Quanto ao ps.. LOL

sylpha disse...

Como sempre...uma excelente escolha. Beijinhos e um bom fim de semana :))

BlueShell disse...

Um bom fds
BShell

H. disse...

David Mourão-Ferreira é um nome incontornável da cultura portuguesa... O poema de homenagem está bonito :)

Obrigada plas visitas e palavras no meu cantinho ***
Beijinho de Bom fim-d-semana ;º)

Orfeu disse...

Uma escolha inquestionável, maravilhosa...Curioso foi ter lido algo que não esperava e que inevitavelmente senti "Orfeu não Morreu"...espero que ainda não.
Um beijo
(uma escolha que me fez pensar...muito)