20 junho 2007

Cai a noite

(Foto por TMara - Jardim da Cordoaria)


Cai a noite.
A noite cai
mas fica suspensa
dos céus. Negro véu
de sombras e breves
clarões de luz
velando
o rosto do mundo
tal rosto de bela mulher
que o olhar desafia.

Posted by Picasa

8 comentários:

ana disse...

:) bons sonhos. beijos de luz.

Sei que existes disse...

Bonito poema!
A foto também está fabulosa!
Beijos

Teresa David disse...

O que mais me agradou foram o bom gosto tanto da foto como das palavras que senti com prazer.
Desculpa ainda não te ter visitado mas entre o escrever e pintar o tempo para por aqui andar tem sido escasso.
Mts bjs
TD

Amaral disse...

Na coerência das palavras, os versos compoem um poema inesperado...

mixtu disse...

a noite...
conselheira...
onde se sonha..

poesia...

abrazo

TINTA PERMANENTE disse...

Um belo poema, especialmente hoje, no sortilégio da noite mais curta do ano...
Abraço.

A.S. disse...

A noite é sempre um irresistivel fascinio...


Um beijo e bom fim de semana!

Daniel Aladiah disse...

E haverá uma manhã...
Um beijo
Daniel